O abandono de animais

  • Visitas: 1023

photolibrary rm photo of abandoned dog

Em Portugal mais de 10.000 animais são abandonados anualmente. Muitos encontram a morte nos canis camarários e outros acabam por morrer à fome ou nas estradas, enquanto vagueiam pelas ruas em busca de alimento e de abrigo.

Quando abandonados, os animais sofrem todo o género de maus tratos ficando igualmente sujeitos a contrair doenças. Para além do sofrimento infligido ao animal, o abandono é, portanto, um risco para a saúde pública. Nestes casos, os mais afortunados, que são poucos, são adoptados por uma ou outra pessoa mais sensível. As associações zoófilas, que recolhem animais, já há muito que ultrapassaram a capacidade de alojamento para o qual estão preparadas. Isto reflecte-se no mau tratamento dispensado aos animais.


Mas você pode ajudar a mudar esta situação...

Os animais são seres vivos sensíveis, não são brinquedos.Um animal deve ser desejado pelo dono e bem aceite pelos restantes membros da família. Por isso, a compra ou a adopção de um animal deve ser muito ponderada e estar de acordo com a sensibilidade e disponibilidade do novo dono.

Um animal de companhia precisa, não só de alimentação adequada e água fresca, mas ainda de uma série de outros requisitos que não devem ser ignorados, tais como alojamento adequado e espaço para se movimentar, acompanhamento veterinário, atenção, entre outros. Assim, oferecer animais às crianças só para lhes satisfazer os desejos, é uma atitude incorrecta. Um animal deve fazer parte da família, ser desejado e estimado até à sua morte natural.

Seja tão leal com o seu animal como ele o é para consigo!

(in Liga Portuguesa para os Direitos dos Animais)

 

 

Últimas em Adopções

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
Martinho

Martinho

dezembro 19, 2013 No comments

Lenny

Lenny

dezembro 19, 2013 No comments

Violeta

Violeta

dezembro 19, 2013 No comments

Náná

Náná

dezembro 19, 2013 No comments

Nani

Nani

dezembro 19, 2013 No comments

Matilde

Matilde

dezembro 19, 2013 No comments

Princesa

Princesa

dezembro 19, 2013 No comments

Faísca

Faísca

dezembro 7, 2013 No comments